A produção audiovisual como mediação na prática científica

Denise Ramos Gonçalves

Dissertação apresentada ao Departamento de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo como requisito parcial para obtenção do título de Mestre em Comunicação. Área de Concentração: Interfaces da Comunicação. Linha de Pesquisa: Comunicação, Cultura e Cidadania Orientadora: Profa Dra Maria Cristina Castilho Costa

Download

De março de 2010 a dezembro de 2012, o Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura (OBCOM) da Universidade de São Paulo (USP) desenvolveu a pesquisa Opinião Pública e Censura no Mundo Contemporâneo. Para abarcar a complexidade e a diversidade de pontos de vista, diferentes instrumentos de investigação foram empregados, dentre eles, a produção de vídeo-entrevistas.

Consideramos relevante avivar o debate a incorporação da linguagem audiovisual ao trabalho de pesquisa empírica no âmbito das Ciências Humanas e Sociais tanto para ressaltar quanto justificar possibilidades renovadas de postura, abordagem, interação e divulgação de nossa produção científica. 

O processo desta proposta audiovisual em seus aspectos epistemológicos, teóricos e técnicos foi o objeto deste trabalho. Partindo da experiência de produção, a metodologia que adotamos converge com experiências contemporâneas da Antropologia, Ciências Sociais, Cinema e Documentário. 


Sendo assim, a construção da pesquisa colocou em relevo as questões: 


a) O debate sobre a incorporação das imagens ao trabalho científico e a validade de uma metodologia na pesquisa empírica com audiovisual; 

b) O questionamento do uso de mídias a partir das Ciências da Comunicação; 

c) Como o audiovisual foi incorporado em uma pesquisa sobre Opinião Pública e suas possibilidades de análises; 

d) As renovadas posturas de abordagem, interação e divulgação da produção científica contemporânea.